segunda-feira, 28 de março de 2011

Aconteceu assim...

Eu quis ser seu amigo
E acho que consegui
Não quis entrar na sua vida
Mas foi assim que aconteceu

Não sabia o que o destino queria
E então deixei tudo rolar
Nós demos as mãos varias vezes
Mas tive medo de tentar

Eu dei conselhos
Querendo realizar teus desejos
Eu falei meus planos
Sofrendo leves enganos

Desejei o brilho do teu olhar
Coisa pura que nunca vou ter
Tentei te proteger
Se consegui? Nunca vou saber...

Hoje eu olho o destino
Torto, mal e divertido como um menino
Mas tudo que fiz
Foi só pra te ver feliz...

Nenhum comentário:

Postar um comentário